Animais de estimação no tratamento de sintomas psíquicos

animais de estimação no tratamento psiquico1Que os animais de estimação fazem um grande bem para a família, isso ninguém dúvida!

Ganhando cada vez mais espaço nas casas dos brasileiros, os animais de estimação podem ajudar também no tratamento de ansiedade, depressão, síndrome do pânico entre outros transtornos psíquicos.

É cada vez mais comum que os pets colaborem na recuperação de pacientes dos mais variados casos clínicos. Em alguns hospitais do país esses tipos de animais já são permitidos, como é o caso do Hospital Israelita Albert Einstein (em São Paulo). Algumas Instituições e ONGs também já trabalham levando esses animais até escolas, hospitais e centros de recuperações.

Estar com um animal de estimação aumenta a autoestima, senso de valor próprio, o estabelecimento de hábitos positivos e o interesse pelo outro, fatores estes que podem beneficiar pacientes que se encontram em quadros depressivos. O convívio com estes animais aumenta a produção e liberação da serotonina e dopamina, hormônios responsáveis pela sensação de prazer e alegria.

animais de estimação no tratamento psiquicoEstudos indicam que a interação homem x animal traz uma sensação de bem-estar e conforto, resultando na diminuição dos níveis de adrenalina. Brincar com um cão ou gato pode elevar os níveis de serotonina e dopamina, que acalma e relaxa, diminui a frequência cardíaca, pressão arterial e respiratória, o que beneficia no controle da ansiedade, síndrome do pânico e estresse.

Vale lembrar que ter um animal de estimação por obrigação não é o indicado para tratar tais sintomas. É importante que você queira e goste da companhia de um animal em casa.

Conviver com os animais desde filhotes, também é importante, pois ajuda a descansar da angustia, tendo sempre em mente que esses bichinhos são seres vivos e demandam atenção, cuidado, carinho e respeito.